O viajante e a melancia: percepção

PercepçãoPercepção do mundo subjetivo – Era uma vez um viajante que caminhava numa estrada, quando deparou com um grupo de moradores de um vilarejo, que vinham aterrorizados em sua direção.

Ele parou e perguntou o que estava acontecendo. Todos choravam, e demonstrando medo, afirmavam que havia um monstro terrível nos campos de suas propriedades, enquanto apontavam para ele.

Mas quando o caminhante olhou naquela direção, tudo o que viu foi uma enorme melancia!

Voltando-se para os moradores, indignado e com raiva, chamou-os de ignorantes, afirmando que aquilo não era um monstro, mas sim uma fruta.

Os moradores insistiram que era um monstro. O caminhante, nervoso, acusou-os de estarem mentindo. Eles o mataram, considerando-o um louco.

Pouco tempo depois, um outro viajante, um homem mais sábio, veio na mesma direção, e como no primeiro caso, perguntou sobre o problema. Também viu somente uma melancia. Mas sua reação foi diferente: com a mão trêmula tirou a faca da cintura, e com um movimento rápido correu até o campo, pulou na melancia, cortando-a em vários pedaços.

Os moradores pularam de alegria ao ver seu inimigo destruído.

Aclamaram o viajante como líder do vilarejo, posição que manteve até que lhes foi possível mostrar a diferença entre um monstro e uma melancia.

Conto Sufi citado em “Developing Ericksonian Therapy – State of the art”, de Jeffrey Zeig and Stephen Lankton. Ed. Brunner Mazel, New York, 1986. Contribuição e tradução: Cecília Caram.

FRASES PERTINENTES À PERCEPÇÃO

“O valor fundamental da vida depende da percepção e do poder de contemplação ao invés da mera sobrevivência.” Aristóteles

“A percepção do desconhecido é a mais fascinante das experiências. O homem que não tem os olhos abertos para o misterioso passará pela vida sem ver nada”. Albert Einstein  

“O ignorante afirma, o sábio duvida, o sensato reflete. Nos somos aquilo que fazemos repetidamente. Excelência, então, não é um modo de agir, mas um habito. O que é um amigo? Uma única alma habitando dois corpos”. Aristóteles

“Escuta e serás sábio. O começo da sabedoria é o silêncio”. Pitágoras  

“Você tem que visualizar um segundo ou dois à frente do seu carro sobre qual caminho você vai pegar, o que você vai fazer, antes de chegar lá, pois tudo acontece muito rápido”. Emerson Fittipaldi  

“A autêntica intuição artística vai além do que percebem os sentidos e, penetrando a realidade, tenta interpretar seu mistério escondido”.  João Paulo II